Portomarin

Hoje estou trabalhando em Portomarin. Foi uma grande surpresa conhecer esta pequena cidade, um Pueblo, como chamam por aqui. Tem uma arquitetura e um astral que me encantou. A principal renda é o turismo, perdi a conta de quantos albergues e bares que encontrei aqui. Parei para comer num dos bares que estava cheio de peregrinos, muitos ingleses, uns poucos chineses e um italiano encantador que me pediu ajuda para falar por telefone. Ele queria reservar uma cama num albergue que está a 10 km daqui de Portomarim e falando Italiano ninguém o compreendia, nem eu. Mas a lingua dos … Continuar lendo Portomarin

Poço sem fim

Perceber que os valores que sempre quis transmitir para o meu filho, não são os seus valores me faz sentir culpada. Culpada por não ver que ele tem uma personalidade própria e muito distinta da minha. Culpada por esperar que ele responda como desejo. Culpada por dar mais tempo e dedicação a ele do que a mim mesma. É como se o avião tivesse despencado e eu tivesse me preocupado em salvar a vida do meu filho e de seu pai, e deixado a minha para o fim, acreditando que sou a super mulher maravilha, e ao fim, descubro que … Continuar lendo Poço sem fim

Melhor que acabe, agora.

A imagem que tenho tua é de um homem grande, com a cabeça enorme que podería ser sinônimo de seu grande intelecto, mas não é o que percebo. Um homem com o aspecto que não me atrai em nada, nem como amigo, muito menos como amante. Sim, pelo que sei você é um bom funcionário, toda uma vida dedicada a mesma empresa. Para mim não é um mérito, mais sim comodismo e medo de arriscar a ser algo melhor na vida. Você se satisfez com o salário recebido, a velha casa pequena e desordenada. O velho fusca, que já não … Continuar lendo Melhor que acabe, agora.

Fuja do pensamento mágico

No caos emocional do meu dia, no momento que limpava a casa, buscando indiretamente limpar os pensamentos, pus o celular para falar, queria calar minha mente e ao final vi que o caos piorou. Escutei diversos audios do Leandro Karnal, um grande filósofo e palestrante, e acabei pensando mais sobre o que tenho feito com minha vida. Desde que cheguei aqui na Espanha, percebi que as pessoas por aqui não são creentes em energias e misticismos como eu, resultado, desde que cheguei aqui me sinto sentdo posta a prova em todas as minhas crenças. E, hoje, ouvindo o audio abaixo, … Continuar lendo Fuja do pensamento mágico

Momento intrusa.

  Me sinto uma completa intrusa em minha própria casa. Acostumada a viver em uma família reduzida, não sociável, confesso que não sei me relacionar com pessoas dentro do lugar onde vivo. Posso contar nos dedos das mãos, as vezes que recebi visitas em minha casa, as vezes que recebi família. Desde pequena fui apresentada a uma vida doméstica muito simples, reservada e solitária. Hoje, como resultado, não sei estar quando tenho pessoas na minha casa, principalmente se estas vêem para ficar dias e tomam conta dos espaços com uma naturalidade maior que a minha, como se tudo fosse deles. … Continuar lendo Momento intrusa.

Mariposas en el estomago

Hay un termo en español que me encanta, este más que otros, porque el castellano tiene unas palabras y frases muy simpáticas. “Mariposa en el estomago”, tener la sensación de que el estomago está lleno de mariposas. És lo mismo que decir que tiene mucha ansiedad, pero ansiedad por cosas buenas, que te emocionen, mismo que tenga miedo, pero te apasiona. Que ganas tengo de sentir mariposas en mi estomago, atualmente sinto presión y dolor en mi estomago, más por la tensión de los días y de los problemas. Cuando nos enamoramos sentimos, cuando estamos por concretar un sueño también. … Continuar lendo Mariposas en el estomago